Cuidados essenciais para conservar peças de caminhão

Cuidados essenciais para conservar peças de caminhão

Dados da Confederação Nacional do Transporte (CNT) revelam que a maior parte dos caminhoneiros trabalham entre nove e doze horas diárias. Boa parte deles mantém essa pesada rotina sete dias por semana.

Se a profissão é cansativa e desgastante para o motorista, também o é para o veículo. A alta quantidade de horas rodadas, assim como as más condições das estradas brasileiras, são aspectos que exigem muito, fazendo com que novas peças para caminhão sejam necessárias com uma certa frequência.

Ainda assim, o caminhoneiro pode tomar algumas atitudes na estrada de modo a prolongar a vida útil das partes, reduzindo o custo com substituições. Confira:

1. Dirija com prudência

Velocidade acima da permitida, freadas bruscas e curvas em alta velocidade. Além de serem perigosos para a integridade física do motorista, manobras como estas prejudicam a estrutura do caminhão, que não está projetado para suportá-las.

Por conta disso, o primeiro passo para alongar a vida útil das peças de caminhão é dirigir com cuidado, respeitando as condições da via e a própria capacidade do veículo. Além disso, sua segurança agradece.

2. Abasteça o caminhão com combustível de qualidade

Os altos preços dos combustíveis têm pressionado a economia brasileira. O aumento do diesel foi, inclusive, motivo para que os caminhoneiros cruzassem os braços e parassem o país em 2018.

Ainda assim, é importante resistir à tentação de abastecer com combustível de segunda para baratear o frete.

A economia cobra seu preço mais adiante: o diesel de má qualidade pode danificar seriamente o motor. É só perguntar a qualquer mecânico ou profissional que trabalha com a venda de auto peças de caminhão.

Portanto, não economize no combustível. O de boa qualidade é um investimento da durabilidade do seu veículo.

3. Use os pneus corretos para o veículo

Na hora de trocar os pneus, muitos caminhoneiros consideram optar pelos pneus meia vida. Por mais que eles ainda tenham alguma vida útil restante, lembre-se: os pneus usados pelo caminhoneiro se desgastam rapidamente, e logo será preciso substituí-los de novo.

Para saber qual é o melhor modelo para o seu veículo, consulte a concessionária ou uma revenda de auto peças para caminhões de confiança. Eles conhecem a mecânica do veículo e saberão qual é o melhor pneu para ele.

4. Não carregue o caminhão mais do que o recomendado

O alto custo do frete faz com que alguns contratantes pressionem o caminhoneiro no sentido de carregar o veículo além de sua capacidade.

Acontece que isso é algo arriscado. Um caminhão carregado mais do que deveria fica muito pesado, e pode ter dificuldades de frenagem. Além disso, todo carro é feito para suportar um certo peso. Qualquer coisa além disso força sua estrutura além do que é recomendável.

5. Faça manutenções periódicas

Quando se trata de um veículo de uso intensivo, como um caminhão de frete, as manutenções periódicas são as melhores amigas do proprietário.

Deve-se ir à concessionária anualmente, ou sempre que houver sinais de anormalidade no funcionamento do caminhão, como:

  • Alguma luz acesa no painel;
  • Aumento brusco no consumo de combustível;
  • Direção “puxando” para um dos lados;
  • Dificuldades para frear;
  • Queda brusca no nível do óleo;
  • Superaquecimento frequente do motor.

Além disso, cada fabricante emite instruções específicas a respeito de seus produtos. Peças para caminhão volvo, por exemplo, devem ter o funcionamento monitorado a partir das orientações da marca.

6. Use apenas peças originais

Não há escapatória: mais cedo ou mais tarde, alguma peça do caminhão terá que ser substituída. E, dependendo da parte defeituosa, o investimento necessário para o reparo pode ser bastante pesado.

Ainda assim, o mais indicado é que o proprietário opte pelo uso de peças originais. O motivo é simples: o veículo foi projetado para funcionar com elas.

Versões mais baratas podem sobrecarregá-lo como um todo, fazendo com que um reparo ainda maior seja necessário.

Nessa hora, é importante lançar mão da pesquisa. Itens do catálogo de peças volvo, por exemplo, podem ter preços muito diferentes em cada estabelecimento. Use a internet a seu favor para encontrar o melhor preço.

7. Use a embreagem com cuidado

Caminhoneiros que ainda conduzem veículos manuais devem ser muito cuidadosos ao usar a embreagem. Deve-se pisar no pedal lenta e firmemente, até o final, e trocar a marcha suavemente.

Isso porque a embreagem nada mais é do que um encaixe onde a marcha entra, permitindo que o veículo aumente ou reduza a velocidade, assim, a troca brusca ou incompleta desgasta as peças do encaixe, reduzindo consideravelmente a sua vida útil.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *