CNH para condução de veículos conforme categoria

veículos

CNH para condução de veículos conforme categoria

A Carteira Nacional de Habilitação ou simplesmente CNH, é um documento obrigatório para quem dirige veículos, como motos, carros, vans, ônibus e caminhões. Deve ser renovado a cada cinco anos, e a cada três anos, para pessoas com idade superior a 65 anos.

Todo procedimento para aquisição de uma CNH deve ser por meio do departamento de transporte estadual, em conjunto centro de formação de condutores.

Por ser um documento obrigatório para condução de veículos motorizados, é preciso ter sempre ao alcance, mesmo que seja de forma digital.

Dividido em cinco categorias, cada uma delas permite a condução de um tipo de veículo, sendo os principais:

  • Categoria A para motociclistas;
  • Categoria B para motoristas de veículos leves;
  • Categoria C para veículos de carga até 3,5T;
  • Categoria D para transporte de passageiros;
  • Categoria E engloba veículos com reboque, acima de 3,5T.

Atualmente, motocicletas com menos de 50 cilindradas também devem ser pilotadas por pessoas com uma habilitação, denominada ACC.

Para garantir a segurança no trânsito, de uma forma geral, este documento só é emitido após o condutor passar por treinamentos teóricos, práticos e com aprovação de agentes fiscalizadores.

Chegada a hora da renovação: como proceder?

Para renovar a carteira de motorista, é preciso procurar órgãos competentes, que fazem este tipo de trâmite. Deve ser realizado pelo próprio condutor, pois testes de visão são aplicados em uma clínica especializada, ou com profissionais técnicos deste setor.

Motoristas profissionais, como motoristas de ônibus e taxistas, que exercem atividade remunerada, devem realizar também o exame psicotécnico.

A CFC renovação CNH é realizada em um curto espaço de tempo. Para os motoristas que tiraram a carteira de habilitação pela primeira vez, a renovação ocorre de forma automática, após o primeiro ano.

Caso tenha alguma infração grave ou gravíssima de trânsito, deve retomar todo o processo no centro de formação de condutores.

É importante dizer que, segundo o Código de Trânsito Brasileiro, o motorista que tiver mais de 20 pontos de infração de trânsito em um períodos de um ano, terá a carteira de habilitação suspensa.

Desta forma, será preciso voltar à auto escola renovação CNH só será aprovada após passar por trâmites burocráticos e cursinhos especiais, com aulas de direção e trânsito, além de passar por uma nova avaliação de agentes fiscalizadores determinados pelo departamento de trânsito estadual.

Custos variam de estado para estado

Dirigir um veículo é assumir a responsabilidade como cidadão, de que está em plenas faculdades mentais para que possa transitar por ruas, avenidas, estradas e rodovias.

Até mesmo dentro de estacionamentos de centros de compras e supermercados é preciso ter ciência de todo o ambiente em que está envolvido.

Por isso, o custo para ir até uma auto escola renovação CNH valor é significativo, pois está pagando os testes de visão e a emissão de documentos que comprovam a possibilidade de habilitação de carros, motos e caminhões.

O que dizer de motoristas profissionais, que dirigem ônibus com vários passageiros, durante todo o trajeto de viagem, dentro das cidades e nas rodovias que cortam o país.

Eles precisam ter toda a documentação regularizada, com todos os exames em dia, para garantir a própria segurança e de terceiros.

Como o valor do documento varia de estado para estado, ao chegar o momento de renovar auto escola pode ajudar em todos os procedimentos burocráticos, inclusive quanto à verificação das condições quanto à carteira de habilitação, com a presença de multas e número de pontos de infração, caso o condutor ou condutora tenha tomado alguma multa.

Situações extraordinárias devem ser avaliadas nos veículos

Alguns casos se apresentam fora da normalidade e, por isso, deve ser tratada de maneira especial.

Os motoristas de primeira viagem que recebem multas graves ou gravíssimas, durante o primeiro ano de habilitação, devem realizar reciclagem CNH provisoria em um centro de formação de condutores, e passar por todos os trâmites de aprovação de agentes fiscalizadores, novamente.

Os condutores que já dirigem apenas um tipo de veículo, mas querem mudar de categoria, é preciso realizar todo o processo de aquisição de carteira de motorista, desde o princípio.

Para fazer a adição de categoria CNH vencida, será preciso terminar todo o processo, inclusive a aprovação, até poder voltar a dirigir novamente.

Uma última informação, mas muito útil, e que não podemos deixar de falar, é que a carteira nacional de habilitação, além de comprovar que o motorista ou motociclista está com tudo regularizado nos órgãos competentes, também serve como documento de identificação.

Os dados do registro geral (RG) e cadastro de pessoa física (CPF) ficam posicionados junto ao nome do cidadão e filiação, e podem ser apresentados em qualquer instituição ou necessidade de comprovação de filiação e assinatura de documentos.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *