6 Dicas sobre direção defensiva que você não deve deixar de seguir

6 Dicas sobre direção defensiva que você não deve deixar de seguir

A necessidade de ter uma direção segura é de muita importância, principalmente em países como o Brasil onde o trânsito é muito agitado. 

Infelizmente em nosso país a quantidade de acidentes é muito grande, havendo um registro de  89.028  no primeiro trimestres de 2020.

Então é claramente notada a importância de uma boa condução onde se ofereça segurança para todos que estão transitando pela cidade. 

Diante dessa situação, um dos problemas que são notados é que muitas regras simples são desatendidas.

Por isso, problemas como excesso de velocidade são bem comuns, e até o uso de somente uma mão ao dirigir pode acarretar vários problemas. 

6 Dicas sobre direção defensiva que você não deve deixar de seguir

1) Posição do corpo

Para uma direção defensiva é necessário uma boa postura ao dirigir, tendo os braços e pernas com uma equilibrada dobradura, com as costas encostadas fazendo um ângulo de 90 graus.

O modo como deve estar posicionado é de um jeito em que seja possível ter uma boa visibilidade. 

Logo depois é necessário que se averigue a posição dos braços ao volante, porque eles devem estar bem esticados, mas de modo confortável.

Se houver muito desconforto com relação ao estiramento dos braços no volante é sinal de que você tem que ajustar o braço até se sentir bem.

A má postura no banco pode causar problemas para o motorista, como muitas dores, desconforto e lesão. 

Além disso, esse erro contribui para acidentes provocados pela falta de visualização adequada, impedindo uma manobra necessária.

 2) Atenção aos itens de segurança

Esse hábito é extremamente necessário porque as estatísticas mostram que esse tipo de situação quando não é analisada acarreta muitos acidentes de trânsito. 

Então, é importante quando sair de casa, com muitas pessoas dentro, tomar algumas providências.

Uma delas é em relação ao cinto de segurança, onde todos no veículo devem estar usando, isso será necessário no caso de freadas bruscas.

Além disso, alguns itens como estepe, triângulo, macaco, freios entre outros devem estar muito bem no carro.

Um detalhe que deve ser levado em conta é a do tipo de carro que está dirigindo, porque alguns são mais seguros que outros.

3) Mão no volante e atenção no trânsito

A maioria das manobras para serem muito bem feitas precisam das duas mão no volante.

Esse é um grande erro que muitos condutores fazem, aumentando assim, as chances de acidentes.

Então é importante que o motorista tenha as mãos bem fixa no volante e somente tire elas em grandes necessidades, como a de mudar as marchas do veículo.

Diante dessa situação, é óbvio que o uso de celular ao dirigir é uma infração grave porque pode distrair qualquer um. 

Isso serve para aqueles que não puxam o celular mas ficam com conversas de trabalho pelo fone.

Já foi comprovado que essas conversas a longo prazo podem acarretar acidentes em manobras mais arriscadas, porque a atenção está dividida.

Além desse ponto, tem outro a se destacar, é a questão do GPS que é colocado no veículo, ele deve ser ajustado antes de o motorista dirigir, que pela lei deve ser colocado no para brisa para melhor visualização, e menos inclinação.

4) Mantenha uma distância segura dos outros veículos

Essa situação não é considerada por muitos motoristas, que deixam de lado a possibilidade do veículo da frente passar por uma freada brusca, obrigando quem vem atrás fazer o mesmo.

Porém, é aí que está o problema, porque se a distância é pouca, então não dá tempo de frear, você deve se perguntar o motivo. 

Então saiba  que nossa resposta não é imediata, mas pode demorar uns 3 segundos até chegar ao cérebro e voltar, levando  a ação.

A não ser que as pessoas tenham um bom reflexo de reação que pode ser de 250 milésimos de segundos. 

Porém, você não vai querer contar esse reflexo, então é importante ter uma boa distância, como a de 2 segundos depois de passar do ponto fixo.

Outra coisa necessária que deve ser colocado nessa situação de frenagem é a resposta do freio ao seu estímulo, então tem o seu tempo de reação, o de resposta ao ser pisado e a qualidade do pneu do carro.

Sem contar a condição da pista, no caso dela está molhada ou não, e  se tem alguma coisa que piora a situação, então tome cuidado, não se arrisque.

5) Mantenha o carro em boas condições

Ter o veículo em boas condições é primordial, porque ele pode te deixar na mão a qualquer momento e em situações onde você terá mais problemas do que em outros lugares, aí terá de chamar um guincho, tentar consertar e etc.

Diante disso, é necessário realizar uma revisão periódica do veículo.

Sendo assim observe a quantidade de óleo, como estão os pneus, o estepe, os freios, luzes, suspensão e toda a mecânica do carro.

Então, o que será muito bom você fazer é passar o carro num mecânico conhecido seu, de confiança. Assim ele poderá ver o estado do motor e outros pontos importantes.

6) Conheça bem as leis de trânsito

As leis de trânsito são desobedecidas depois de um tempo por muitos condutores que se acham tão experientes que acabam tendo muita confiança de que não acontecerá nada.

Esse perigo está quando se muda de faixa sem dar a seta corretamente, porque os condutores do outros veículos devem saber a manobra que está fazendo. 

Além disso, tem a mudança de faixa numa velocidade inadequada e com uma distância curta.

Outra infração cometida é quando o condutor tenta fazer uma ultrapassagem pela direita.

Situação que o outro motorista não espera, aumentando a chance de batida.

Por isso é bom um curso de direção defensiva.

Últimas considerações

As 6 dicas de direção defensiva mostram como é importante o condutor estar sempre bem com as leis. 

Cada uma delas faz diferença na segurança de todos, tanto dentro como fora do veículo.

O grande problema não é a falta de conhecimento, mas a negligência em muitas coisas que todos aprenderam. 

Porém, alguns cursos online com certificado são uma boa ideia, porque te ajudarão a ter mais detalhes com relação às regras antigas e novas.

Então faça um curso e seja um condutor de primeira, com uma bagagem a mais de conhecimento.

No mais é isso, qualquer dúvida sobre o assunto estou à disposição, ok? Até a próxima!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *